domingo, janeiro 24, 2010


Coincidência ou Destino?


     Na nossa vida acontecem coisas inesperadas, algumas boas, outras nem tanto... Mas será que por trás de tudo existe uma força maior? Há quem acredite em destino, que tudo que acontece, inevitavelmente, iria acabar acontecendo. Outros dizem ser coincidência, um mero acaso...
     Seria uma injustiça se tudo que acontecesse em nossa vida estivesse planejado antes mesmo de nascermos. Como já dizia Newton: "Para cada ação existe uma reação". Eu acredito que isso seja o princípio base dos principais fatos que acontecem em nossas vidas, acredito que traçamos o nosso caminho a cada dia, a cada decisão tomada, a cada não que dizemos... Acredito sim em destino, mas no destino que eu mesma criarei, como se a vida fosse um caderno em branco onde eu escrevo minha história.
     Para cada escolha há uma consequência, que pode ser boa ou ruim, um exemplo típico é da gravidez na adolescência. Será que uma jovem mãe tinha em seu destino ser mãe aos 16 anos? Talvez se ela não tivesse aquele pequeno descuido, ou tivesse outros planos para aquele dia, tivesse autocontrole, talvez ainda seria uma simples e comum adolescente, sem grandes responsabilidades, e sem um bebê para cuidar. O destino existe mesmo? E se ao fazer uma escolha diferente ela tivesse apenas adiado um pouco tal acontecimento? E se nós podemos controlar nossas vidas só até certo ponto? Seríamos apenas marionetes fadados a aceitar que mais cedo ou mais tarde iríamos chegar exatamente àquela mesma situação? Seria como no filme Efeito Borboleta, onde o personagem, ao voltar no passado e tentar consertar seus antigos problemas acaba criando novos, já que toda mudança que realiza gera consequências em seu futuro? Creio que jamais saberemos...
     O melhor que se tem a fazer é pensar bem antes de escolher o caminho a ser trilhado, fazer as escolhas mais sensatas, mais seguras, pois nunca se sabe qual a escolha "certa", e nem aonde ela nos levará. Não devemos se torturar pensando se poderia ter sido diferente, mas sim fazer o melhor com o que aparecer em nosso caminho, buscar sempre mais, e aproveitar a vida intensa e sabiamente, pois nunca saberemos onde, quando, nem qual escolha nos levará ao ponto final.

O destino é que baralha as cartas, mas nós somos os que jogamos. William Shakespeare

Temos o destino que merecemos. O nosso destino está de acordo com os nossos méritos. Albert Einstein 
 
"...Saiba que seu destino é traçado pelos seus próprios pensamentos, e não por alguma força que venha de fora..." Martin Luther King   





3

3 comentários:

Anônimo disse...

acredito no destino sim! :) acredito quando ele coloca em nossos caminhos pessoas tão especiais..
e infelizmente tambem nos tira =/, mas é a vida, que traça uma cadeia de varios destinos.. onde temos que ser sábios e decidir o melhor.só que se formos parar pra pensar ,no final somos levados todos ao mesmo destino... mas enquanto ele não chega.. vamos levando a vida, ou será ela que nos leva?

Enrique Coimbra disse...

Eu não acredito nele. Existe um arsenal de decisões que você pode ou não tomar. Para cada uma delas, um caminho, que pode ser modificado O TEMPO TODO. Destino é o ponto no qual você quer chegar. É um assunto complexo pra mim, porque estudo ações há tempos, assim como existem teorias de que ações não tomadas por nós, foram tomadas por nós em outras dimensões, como se todas as opções pudessem ter seu uso.

É o tipo de texto curto, direto e reflexivo. Meus parabéns.

@vitinhobinho disse...

A interrogação acaba sempre sendo a certeza.

Muito bom o texto. Parabéns.

Postar um comentário

E aí, o que achou do texto? Seja sempre bem vindo(a) e volte sempre! ;* <3