domingo, março 14, 2010


O vilão ( parte 3 )



Eduardo estava determinado a acabar com toda aquela alegria e paixão.
Irritado com tudo, havia perdido o amor de sua vida para outro. Não deixaria ele se safar. Seu amor por Gabi era intensamente devastador, antigo e doentio.
Como todo bom vilão, tinha duas faces. Uma era doce, amigável, calma e gentil. Dessa forma havia conquistado a amizade dela.
Sim, ele era seu melhor amigo há anos. Mas Gabi não conhecia  sua segunda face...
Egocêntrico, possessivo, dissimulado, frio e eterno apaixonado.
Por ela iria aos confins da Terra, não mediria esforços para vê-la feliz. Antes de vê-la com outro.
Ela jamais imaginaria que seu melhor amigo nutria por ela uma paixão secreta. Seu confidente.
Mas ele não podia ver que Fred era parte da felicidade dela, planejava tira-lo de seu caminho. Estava cego. E o pior de tudo: Edu e Fred eram se conheciam muito bem!
Seria fácil separar os dois, era de confiança, ou pelo menos seus amigos assim pensavam.
Começaria com pequenas intrigas, manipular eles seria divertido, não iriam nem notar.
Faria a cabeça de Fred sem comprometer sua amada, ela era mais importante. Faria ele se sentir insuficiente para ela. Afinal, sabia de todos os "podres" do "amigo".
Depois convenceria Gabi a deixá-lo, poderia fazer alguma insenação, afinal, tinha um amigo manipulável em mãos, ainda pensaria sobre o assunto com calma.
Não se pode duvidar de nada que venha de uma cabeça perigosamente obcecada. Quando o coração planeja maldades contra a felicidade dos outros é porque não existe amor.
O amor não deseja o mal, contenta-se com a felicidade, ou até mesmo com um simples sorriso verdadeiro.
E ele não se importava.
Ver os dois juntos despertou seu lado mais negro, e talvez esse lado jamais volte a "adormecer".
Fazia parte do plano que os dois confiassem cegamente nele, então começaria a agir. Aproximou-se do casal, no outro lado da rua, e substituiu a raiva por uma máscara de satisfação.
- Como é bom ver meus melhores amigos juntos, vejo que se conheceram muito bem naquela festa... Arrisco dizer que fazem o casal mais interessante que eu já vi! - disse convincentemente, tanto que até ele acreditaria se não fosse tão "treinado".
Gabi correu para abraçá-lo. Nutria por ele o amor mais puro e verdadeiro que poderia existir, eram irmãos de coração. - assim pensava - Logo depois do abraço deu um tapa que provocou risos de Fred.
- Da próxima vez que me deixar vermelha de novo eu te mato!
- Essa é minha "irmã"... Carinhosa como sempre! - disse Edu, sem deixar de rir. Achava que ela ficava ainda mais linda quando estava brava.
- Como você não me apresentou sua "irmã" antes Edu? Que amigo egoísta você é! -disse inocentemente Fred, não sabia que estava provocando mais ódio naquele coração sombrio, se soubesse...
- Sabe como é... Ela mora longe, quando vem a quero só pra mim. Mas parece que alguém andou me roubando ela, tudo bem, eu supero! - riu mais por dentro do que por fora, eles jamais imaginariam que não era brincadeira, ele iria superar quando a tivesse de volta, de acordo com seus planos.
Todos riram.
- Vamos entrar, que péssimo anfitrião estou sendo... - falou Edu, já abrindo o portão para os dois.
Gabi o interrompeu, segurou em seu braço e o beijou no rosto.
- Não posso, preciso ir... Passei só pra dizer um "oi" - olhou para o "amigo - Vou para casa com o Du, temos muito o que conversar - sorriu.
Ele retribuiu o olhar de cumplicidade e se despediu de Fred. Voltaram de mãos dadas, tinham esse costume. Isso fazia seu coração palpitar, claro, mas agora tinha ódio e desejo. Havia cansado de ser só amigo. Irmão? Não queria uma irmã, queria uma namorada.
Agiria com calma.
"Agora seguro a mão dela como irmão, mas logo terei ela como minha!" - Pensou ele.
A insenação não tinha sido fácil, mas viriam coisas piores...

 

Leia também...


1- O começo
2- Reencontro

14

14 comentários:

Tiabetok disse...

"Ela jamais imaginaria que seu melhor amigo nutria por ela uma paixão secreta"
não sei pq...mas ultimamente tenho lido muitas coisas sobre paixões entre amigos...isso começou a me assustar profundamente, já q eu e meu melhor a. estamos morando juntos e sem qrer ficamos (depois de nos conhecermos a 12 anos!!!!)...
ahushauahs

lindo post...vc sempre me surpreende!

Alanna Stefhany disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mayla disse...

Adorei teu blog!Li os outros capítulos da história e amei:)
bjos
mah

disse...

Tão bem escrito! Isso não é amor, é uma paixão doentia. "O amor não deseja o mal, contenta-se com a felicidade, ou até mesmo com um simples sorriso verdadeiro." Muito bom. Beijo.

Alanna Stefhany disse...

Quando a gente ama, desejamos a felicidade do amado independentemente estando conosco ou não. Isso concerteza não é amor.
Lindo como sempre!

Ju Fuzetto disse...

Que lindo flor!!!!

Um beijo e linda semana

Juliana Oliveira disse...

- Aimeudeus, eu quero ler...não peguei a primeira parte mas vou procurar. Muito bom mesmo, conte sempre histórias. As suas são lindas....ah te indiquei no selo lá no meu blog. Pegue, beijoooooo

Mariana Leal disse...

que super lindo, desde quando conheçi esse blog eu adorei

Dri Viaro disse...

Oi, passei pra conhecer o blog e desejar boa semana

bjss

aguardo sua visita :)

Borblady disse...

"Agora seguro a mão dela como irmão, mas logo terei ela como minha!"
tens uma imaginaçao :O

Enrique Coimbra disse...

"- Sabe como é... Ela mora longe, quando vem a quero só pra mim. Mas parece que alguém andou me roubando ela, tudo bem, eu supero! - riu mais por dentro do que por fora, eles jamais imaginariam que não era brincadeira, ele iria superar quando a tivesse de volta, de acordo com seus planos.
Todos riram."

AHAUHAUAHUHA CARALHOS, eu realmente adorei essa parte! Me pareceu tão solta, tão natural, sabe? REAL. Alcool sux

«╬♥ LADy M«╬♥ disse...

oiee obrigada pela visita ... q bom q adorouu o texto .. pois somos duas tb sou assimmm.. mais la no fundo tb ...rsrs adoriei muito sua visita e volte sempre .. pois sempre q puder estarei aki bjs otima semana..

Rebeca Amaral disse...

Parabéns, menina! Amei tudo! Um beijo!

Deni Maciel disse...

eita que legal...
e é só a parte três...
*-*
darei uma sumidinha.
mas em breve retorno.
espero que na posição de o homem mais feliz do mundo...
um abraço e deixo o PUMsamento do dia:
"se varizes também são hemorróidas...
estrias são gonorréias ?...
by Cúgumelo do Sol"

Postar um comentário

E aí, o que achou do texto? Seja sempre bem vindo(a) e volte sempre! ;* <3